Publicado por: Roger Stein | 25/11/2009

E-mails Suspeitíssimos


Alguns dias atrás postei um texto e um vídeo que questionava essa pandemia que virou o “Aquecimento Global“, bem agora vasou na web alguns e-mails – cerca de 1.000 deles – de um dos maiores centros de pesquisa sobre este tema, que fica na Inglaterra, Universidade de East Anglia. Os e-mails pirateados foram hospedados num servidor da Rússia, e não se tem idéia da origem da invasão. A direção de East Anglia já confirmou que são verdadeiros. Mas, como já era de se esperar, negam que revelem manipulação. Atribui-se tudo à gritaria dos “céticos”…Leia mais sobre o assunto na matéria abaixo.

Bem, você pode questionar o fato de se estar levando em conta textos que foram roubados por hackers, mas é claro que os responsavéis por isso devam ser punidos, agora não podemos ignorar o conteúdo destes e-mails, ainda mais após sua confirmação de autenticidade.

Enfim, lá diz que os pesquisadores deste e de outros centros no mundo, deram uma colorida nos números reais, ou melhor manipularam os índices à seus interesses. Em um deles, Phil Jones, o chefe de East Anglia, diz a seus colegas, nos Estados Unidos, que tinha usado os mesmos “truques” de Michael Mann, da Universidade da Pensilvânia, para “esconder o declínio” de uma série de temperaturas num período de 20 anos, de 1961 a 1981.

Bem, mas e daí? E aí que pelo sim, pelo não, devemos ficar atentos aos próximos capítulos e não engolir tudo sem questionar, como se ao questionar estivéssemos querendo o fim do planeta. Não podemos ignorar que hoje o aquecimento global é uma indústria em grande crescimento e que movimenta bilhões…será que os envolvidos gostariam que isso acabasse?

________________________________________________________________________

E-mails roubados no Reino Unido abrem polêmica sobre clima
Conteúdo das mensagens revelaria suposta manipulação de dados para reforçar a tese do aquecimento global.

Computadores da Universidade East Anglia, no Reino Unido, foram invadidos e mais de mil e-mails e 3 mil documentos trocados entre cientistas do clima foram roubados, abrindo polêmica no mundo acadêmico a poucas semanas da Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (COP-15), em Copenhague. O material, que revelaria uma suposta manipulação de dados para reforçar a tese do aquecimento global, está sendo usado por céticos para alertar que a necessidade de corte de emissões de CO2 não passaria de uma farsa planetária. Cientistas afirmam que o roubo faz parte de uma campanha para evitar um acordo climático.

Muitos dos e-mails roubados foram trocados entre cientistas que participaram do relatório do Painel Intergovernamental de Mudanças Climáticas (IPCC). O documento, de 2007, foi o primeiro a confirmar que o aquecimento global é resultado da atividade humana. Phil Jones, que teve e-mails roubados, diz que palavras como “truque” e “esconder a queda” foram usadas fora de contexto pelos hackers.

Mas a polêmica já virou debate político. Lord Lawson, cético da mudança climática, pediu investigação e disse que a credibilidade da ciência está em jogo. O secretário-geral da Organização Mundial de Meteorologia (WMO, na sigla em inglês), Michel Jarraud, rejeitou a tese. “É lamentável que ainda traga impacto um rumor como esse.” As informações são do jornal Estadão.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: